top of page

A ABIEE estabelece convênio com a CertifikEDU Microcertificações

Atualizado: 30 de ago. de 2023


A Associação Brasileira de Instituições Educacionais Evangélicas – ABIEE celebra convênio com a startup CertifikEDU Microcertificações com Blockchain e Inteligência Artificial.

As instituições educacionais associadas à ABIEE passam a contar com condições especiais para poderem oferecer carteiras digitais de competências e habilidades para os estudantes, docentes e corpo técnico-administrativo.

A CertifikEDU coopera com instituições educacionais e outros tipos de organizações para implementar a gestão inovadora de microcertificados que visibilizam as competências e habilidades das pessoas.

As instituições de ensino superior ampliam seu relacionamento com estudantes e egressos a partir dos certificados e com apoio da Inteligência Artificial para poderem ofertar de maneira mais assertiva programas de pós-graduação, cursos livres, mentorias, eventos, unidades curriculares e outros serviços, conforme as trilhas de aprendizagem mapeadas, graças à visibilização das competências e habilidades já desenvolvidas e as que ainda podem ser alcançadas para a evolução da carreira profissional de cada um.

A CertifikEDU pode ser usada como parte da Política institucional de acompanhamento dos egressos do Ensino Superior, no atendimento do Indicador 3.7 do Instrumento de Avaliação Institucional Externa para o Recredenciamento do INEP/MEC.

Já as escolas poderão evidenciar a riqueza de seus itinerários formativos, projetos de vida e outros serviços que diferenciam a sua atuação, algo importante tanto para o Ensino Médio quanto para o Fundamental 2.

Os microcertificados podem ser utilizados para registrar também ações diversificadas, voluntariado, credenciais intermediárias de Cursos Técnicos, capacitações de professores e do corpo técnico-administrativo.

As empresas e outros tipos de organizações que se relacionam com as instituições educacionais podem fazer parte do ecossistema RBE / CertifikEDU gratuitamente, por até um ano.

O Fórum Econômico Mundial publicou, em maio de 2023, o relatório Putting Skills First: A Framework for Action, no qual conclama os governos, empresas e organizações sem fins-lucrativos a estabelecerem políticas e ações de inclusão produtiva, tendo a valorização das competências e habilidades das pessoas como eixos centrais de sua atuação.


De acordo com os autores:

“Skills First é um termo usado para descrever uma nova abordagem para gestão de talentos que enfatiza as habilidades e competências de uma pessoa – além de diplomas, históricos de trabalho ou títulos acadêmicos – no que diz respeito à atração, contratação, desenvolvimento e realocação de talentos. Ao focar diretamente nas próprias habilidades, e não em como foram adquiridas, é uma abordagem que tem o potencial de democratizar o acesso a oportunidades econômicas e caminhos para bons empregos e outros tipos de vínculos de trabalhos para muito mais pessoas do que as abordagens tradicionais.”


Uma abordagem que prioriza as habilidades concentra-se em saber se uma pessoa possui as habilidades e competências certas para uma função específica, uma possibilidade que vai além de ter o diploma, histórico de trabalho ou cargos anteriores corretos.

Entre em contato com a CertifikEDU a partir do formulário disponível em http://blog.certifikedu.com, pelo e-mail atendimento@certifikedu.com.br ou pelo telefone (31) 9.9956-4104.



Comentarios


bottom of page